Montagem Linguarudos

O colunista Leo Dias, fez uma revelação bombástica ao dizer que o filho do sertanejo Chitãozinho, Allisson Lima, teria solicitado o Auxílio Emergencial de R$ 600 disponibilizado pelo governo durante a pandemia do coronavírus.

Segundo o jornalista, Alisson seria pai solteiro de uma filha, mas a criança é criada pela mãe, a modelo Nicole Wolfensberger.

Além disso, afirma Leo, o músico ainda estaria devendo seis meses de pensão alimentícia para a criança, que tem 6 anos.

Procurado, Allisson negou que tenha feito a solicitação do benefício. “Allison não recebe nenhum auxílio do governo. Tem e sempre teve o apoio emocional e financeiro do pai”, afirma a assessoria de imprensa do cantor Chitãozinho.

Apesar da negativa, Nicole não conseguiu cadastrar a filha para receber o auxílio de R$ 1.200 direcionado a mães solteiras, correndo o risco de ser despejada do apartamento em que vive com a filha. A luz elétrica, de acordo com Dias, já foi cortada. “Alisson vai ter que se explicar”, afirmou Leo durante o programa.

A assessoria de imprensa do cantor Chitãozinho disse que Alisson “sempre honrou todos os compromissos com a filha, tanto financeiros quanto paternais. No momento apenas pediu revisão da pensão, pois, como a grande maioria dos trabalhadores, está impossibilitado de exercer sua arte. Allison, além de trabalhar em uma produtora, é músico e faz apresentações em bares e casas noturnas. O juiz considerou pertinente o pedido e atendeu a revisão. Os pagamentos seguem, como sempre”